Mulher de 34 anos é presa após atear fogo no marido enquanto ele dormia


Do G1

Foto: ReproduçãoMulher de 34 anos é presa após atear fogo no marido enquanto ele dormia
Uma mulher de 34 anos foi presa por atear fogo no marido enquanto ele dormia, no Residencial Itapuã, em Goiânia, na noite de quarta-feira (2). Segundo a polícia, ela usou um remédio caseiro, à base de álcool e arnica para atear fogo no marido. “Ele estava bastante queimado, a parte das costas, o peito, orelha e os braços”, conta o sargento Rodrigo Luiz de Araújo.

No depoimento, a mulher disse que apanhava do companheiro há muitos anos e nunca teve coragem de denunciar. Ela contou que na noite de quarta-feira não foi agredida, mas disse que o parceiro estava desempregado há mais de 20 dias e bebia muito. O sargento afirma que os papéis se inverteram. “De vítima ela passou a ser a agressora. Cabia muito bem uma Maria da Penha, porque há vários anos ele a agride, mas infelizmente nesse caso ela é a autora.”

O marido da mulher foi internado ainda na noite de quarta-feira no Hospital de Queimaduras em estado grave com 55 % do corpo queimado. Foram queimaduras de 1º e 2º graus e, segundo o hospital, ele precisaria de uma UTI. Na manhã desta quinta-feira (3) o paciente foi transferido para o Cais do Jardim Novo Horizonte, onde deve ficar esperando por uma vaga em uma UTI do Sistema Único de Saúde (SUS).
Tecnologia do Blogger.