Radio Clube FM: A Verdade Que Não Foi Dita!

Açailândia - A problemática envolvendo a radio Clube FM de Açailândia tem causado grande prejuízo econômico aos anunciantes, bem como aos ouvintes e  aos ex-arrendatários!  Mais por outro lado, é bom que se diga a verdade sobre a tomada de decisão da justiça.

Pra quem não sabe, por trás dessa decisão judicial, demanda se também interesse empresarial. Em momento algum está configurado censura!  Uma vez que o Ministério das Comunicações, através da ANATEL, Agencia Nacional de Telecomunicações, Teria que ser informada, e autorizada qualquer contrato de arrendamento sobre a emissora com terceiros.


Qualquer contrato de arrendamento entre a emissora e terceiros, teria que ter além da autorização do Ministério das Comunicações, o aval dos sócios da emissora, no caso o senhor Francisco Pereira lima “Chico do radio” dono de 40% das ações, a senhora Alzira Gonçalves Lima dona de 10%, e do Dr. Petrônio Gonçalves dos Santos, dono de 50%, o mesmo tém em mãos, uma procuração publica da senhora Maria Aparecida de Farias Moreira


Pra quem não sabe da historia dessa emissora, vamos explicar um pouco, para poder deixar o leitor bem informado sobre o que aconteceu, para que depois não venham pessoas de má FÈ, querendo usar o problema como sendo uma censura, ou mesmo perseguição política.


Em 1990, o empresário e ex-deputado Federal Onofre Corrêa, ganhou a licitação para implantar a Radio Clube FM 98,1 na cidade de Açailândia, acontece que por falta de interesse do mesmo em montar a emissora, ele resolveu vender a mesma.


Naquela data, o ex-deputado Onofre Corrêa, vendeu 50% das ações da emissora para o senhor Chico do Radio, e os outros 50% foi vendido para o empresário Conor Farias, que por questão pessoal, resolveu colocar sua parte em nome da sua irmã Maria Aparecida de Farias Moreira.


Como a emissora tinha prazo certo para entrar no AR, do contrario seria perdido a outorga, e o empresário Conor Farias não tinha nenhum interesse comercial em Açailândia, devido suas ocupações empresariais na cidade de Imperatriz, o mesmo procurou o medico Petrônio Gonçalves e vendeu sua parte de 50% da emissora.


O medico Petrônio Gonçalves pagou os 50% para Conor Farias, recebeu uma procuração publica da senhora Maria Aparecida de Farias Moreira, bem como os recibos da transação, se tornando assim sócio legitimo junto ao senhor Chico do Radio. Podendo fazer o que bem entender sobre a parte que lhe é de direito.


No inicio, o medico Petrônio Gonçalves chegou até comprar alguns equipamentos junto com Chico do Radio, mais depois, o empresário Chico do Radio ficou sozinho a frente da emissora! Alem disso comprou a torre, equipamentos, e o prédio onde hoje se localiza a mesma.

Sabemos que temos que conviver com as adversidades da vida, sabemos também que toda unanimidade é burra! Temos o livre direito de expressão! As criticas feita com seriedade só engrandece a democracia! Mais difamar, caluniar, injuriar sem provas, é crime! E crime se pune com a aplicação das leis.


Diante disso, o referido medico mesmo que não fosse um dos sócios da emissora, teria todos os direitos de cidadão em procurar seus direitos!  Até por que todos têm que procurar a justiça, quando se sentirem ofendido ou prejudicado por qualquer fato que tenta manchar sua honra.


Opinião do Blog


O que me causa estranheza vem do fato de promoverem uma passeata como forma de protesto pelo fechamento da Radio, e a grande maioria dos promotores do protesto, serem ligadas diretamente a pretensos pré-candidatos a prefeito da cidade.


Observei também, que os verdadeiros donos das emissoras o senhor Chico do Radio, e o senhor Petrônio Gonçalves não participaram do protesto! Não sei se os mesmos foram convidados ou não. Ou se os mesmos tiveram conhecimento da tal carreata.


Seria muito bom, ouvir a opinião do senhor Chico do Radio, como também do senhor Petrônio Gonçalves e da justiça, que é quem decidem os rumos da Radio Clube FM de Açailândia, e não os promotores da carreata, que na sua maioria, tem fortíssimas ligações com os pretensos pré-candidatos a prefeito na próxima eleição.


Mais uma vez o Blog procurou o Dr. Petrônio Gonçalves, em busca de informações sobre o fato, e o mesmo disse a mesma coisa “NÃO TENHO NADA A DECLARAR”. 


Tecnologia do Blogger.