29 de junho de 2012

Polícia Civil fecha cerco a sequestradores da criança Imperatrizense

A Polícia Civil, por intermédio da Diretoria de Polícia do Interior (DPI), intensificou, nesta quinta-feira, 28, as buscas aos sequestradores de uma criança de cinco anos que foi raptada em Imperatriz. Segundo informações do diretor de polícia do interior, delegado José Rerisson Macedo as buscas são comandadas pelo delegado da 1ª DP de Araguatins, Wlademir Costa Oliveira e se concentram em meio a uma propriedade rural em um local de mata fechada onde um vaqueiro da região teria avistado a criança sequestrada em poder dos dois sequestradores.


De imediato, o vaqueiro reconheceu a criança como sendo a mesma que havia sido sequestrada em Imperatriz e passou a descrição dos suspeitos aos policiais tocantinenses e maranhenses que encontram-se no local que fica na zona rural nas proximidades do município de Sítio Novo.


O diretor de Polícia do Interior, José Rerisson, juntamente com o delegado chefe, José Eliú, estão em contato permanente com a delegada-chefe da Polícia Civil do Maranhão, Maria Cristina Rezende, a qual conseguiu junto a Secretaria da Segurança Pública do Maranhão a liberação de um helicóptero para auxiliar nas buscas, sendo que o mesmo já se encontra no local cumprindo essa tarefa.

Os policiais civis e militares tanto do Tocantins quanto do Maranhão estão otimistas e acreditam que podem chegar a um desfecho favorável nas próximas horas. Todas as precauções estão sendo tomadas visando preservar a integridade física e psicológica da vítima, até mesmo pelo fato de que acredita-se tratar de sequestradores inexperientes.

A maioria dos policias tocantinenses que integram a operação possuem grande experiência em operações em mata e esse fator tem contribuído extremamente na realização das buscas.
Fonte: folhadobico.com.br 
--- ---