Servidores públicos de Buritirana continuam em greve



O movimento grevista está completando 22 dias nesta quarta-feira.

Os servidores públicos municipais da cidade deBuritirana, distante de Imperatriz 70 km, continuam em greve. A paralização da categoria que inclui supervisores, diretores e coordenadores escolares, vigias, merendeiras, zeladoras, motoristas, auxiliares de serviços gerais, auxiliares e agentes administrativosfoi iniciada no dia 19 de setembro. 

Entre as reverificações dos trabalhadores, estáo pagamento dos salários do mês de agosto, cumprimento do acordo coletivo firmado com a administração pública, bem como o pagamento do terço de férias de 2011 e o cumprimento do acordo coletivo firmado com a categoria, segundo informou o presidente do Sindicato que representa os servidores municipais, Edmar Morais Pereira.

O movimento grevista está completando 22 dias nesta quarta-feira (10). Até o presente momento, o excelentíssimoprefeito da cidade, o senhor José Wiliam de Almeida, conhecido como “Zé do Mundico” não se manifestou oficialmente, para resolver a situação dos servidores.

O prolongamento da greve, já começa a preocupar os pais e alunos com o cumprimento do calendário letivo. Com objetivo de pressionar o prefeito Zé do Mundico que desapareceu da cidade, a Câmara Municipal de Vereadores da cidade já começa a se movimentar para que ele estabeleçaum diálogo o mais rápido com a categoria.

Tecnologia do Blogger.