Farra com dinheiro público: prefeitura de Açailândia gasta quais (1 Milhão de Reais) na compra de água Mineral!

Devido a um erro nos calculos tivemos que corrigi a postagem, e aproveitamos para inserir fotos das fachadas das empresas supostamente fornecedora de água para a prefeitura de Açailândia, tirem suas conclusões....

Suposta sede da J DA .S.COSTA COMERCIO
Mal começou o governo da prefeita Gleide Santos, a “farra” com dinheiro público começa a aparecer de forma mas absurda possivel. o blog (Açailândia de fato)  atraves do Diário Oficial do Estado do Maranhão, teve acesso a algumas despesas contraida pela prefeitura de Açailândia, e uma chamou bastante atenção.

A prefeitura de Açailândia, através das secretarias municipal de saúde, secretaria municipal de administração, secretaria municipal de assistência e promoção social, “torrou” só com a compra de Água Mineral, a bagatela de R$ 889.550.00 (OITOCENTOS E OITENTA E NOVE MIL, E QUINHENTOS E CINQUENTA REAIS) Conforme publicado no Diário Oficial do estado do Maranhão, em 12/03/2013 folha 2.  
   
Sede da empresa BATISTA E COELHO LTDA-ME
Segundo os dados apurados atraves do diario Oficial do Estado do Maranhao, a empresa que forneceu Agua Mineral para a prefeiura de Açailândia, foi a BATISTA E COELHO LTDA-ME com CNPJ Nº 07.321.315/0001-80, com suposto endereço comercial a Rua Seis de dezenbro Nº 08 A Bairro Novo Horizonte na Cidade de Imperatriz-MA.

A segunda empresa fornecedora foi a empresa J DA S. COSTA COMERCIO-ME  com CNPJ Nº 06.036.910/0001-00, com endereço comercial a Rua Aquiles Lisbôa Nº 854 Bairro Mercadinho  tambem da Cidade de Imperatriz-MA.
 Empresa J DAS.COSTA COMERCIO-ME

Durante a pesquisa realizada no site da Receita Federal, ficou constatado que ambas as empresas existe de fato e de direito, O que não dar para entender, é o fato de, enquanto a população de alguns bairros da cidade, vem sofrendo constantemente com uma administracao desastrosa e ditadora, com a falta de água, saúde pública na UTI, ruas esburacadas e sem manutenção, servidores públicos sofrendo cortes em seus salarios que chegam a 50%, a prefeitura usa o dinheiro público para comprar  Agua Mineral, que daria para abastecer quase que toda populacao do municipio.

Em vez de se gerar renda para com as empresas existentes no Municpio de Açailândia,    mesmo  exisitindo diversas empresas que atua no mesmo ramo de atividade  aqui, a prefeita Gleide Santos, sabe-se la com qual interesse, resolve beneficiar empresas de outros municpio, que não geram nenhuma renda para a populacao.

Pelo jeito, o ministério público do Maranhão vai encontrar muito trabalho no governo Gleide Santos. Essa "farra" da água mineral é apenas o inicio de uma série de fatos obscuro, que afronta toda a população do municipio de Açailândia. que tanto clamava por mudanças. 



Tecnologia do Blogger.