Afonso Manoel, Carlos Filho e Hélio Soares são os mais faltosos da Assembleia

carlos_filhoEm 2014, o número de faltas na Assembleia Legislativa do Maranhão foi elevado. Levantamento do jornal O Imparcial mostra que 10 dos 42 deputados estaduais tiveram mais de 80 faltas.
Afonso Manoel (PMDB) encabeça a lista de faltosos, com 117 ausências; seguido pelo ex-genro da governadora Roseana Sarney, Carlos Filho (PMDB), com 116 faltas. O terceiro mais ausente foi o deputado Hélio Soares (PMDB), com 98 faltas. Nenhum destes conseguiu se reeleger.

O mais assíduo foi o deputado Eduardo Braide (PMN), com apenas 7 faltas registradas no Diário Oficial. Os deputados estaduais Francisca Primo (PT), Raimundo Cutrim (PCdoB) e Arnaldo Melo (PMDB) também aparecem entre os mais participativos.
De acordo com o jornal, no dia 30 de setembro apenas os deputados Othelino Neto (PCdoB) e o suplente Lima Neto (PSL) estiveram presentes. No dia 1º de outubro, somente os deputados Marcelo Tavares (PSB) e Raimundo Cutrim (PCdoB) tentaram abrir a sessão. No dia 2 de outubro, o parlamentar Othelino Neto foi o único deputado a estar presente em Plenário no horário da sessão.
O levantamento foi baseado nos registros dos Diários Oficiais, no período de 13 de fevereiro a 19 de novembro de 2014.
Abaixo os dez mais faltosos: 
Afonso Manoel – 117
Carlos Filho – 116
Hélio Soares – 98
Dr Pádua – 88
Camilo Figueiredo – 86
Léo Cunha – 85
Valéria Macedo – 82
Hemetério Weba – 81
Carlinhos Amorim – 80
Alexandre Almeida – 78
Mais assíduos:
Eduardo Braide – 7
Francisca Primo – 23
Raimundo Cutrim – 25
Arnaldo Melo – 28
Othelino Neto – 28
Tecnologia do Blogger.