DAYANE LIMA NUTRICIONISTA

DAYANE LIMA NUTRICIONISTA

14 de junho de 2016

Uma reflexão sobre uma possível “vitoria” de Rosangela Curado como prefeita de Imperatriz

É muito preocupante para a população de Imperatriz, uma eventual vitoria da pré-candidata a prefeita Rosangela Curado (PDT), não pelo simples fato da mesma ter sido acusada de desvio de recursos públicos quando foi secretaria de saúde do município de Coelho Neto, ou mesmo de ter sido acusada de cobrar propina quando foi subsecretaria de saúde do estado já no governo Flavio Dino.

Pela poténcia que representa o município de Imperatriz para o estado e para o Brasil, é inadmissível a população cair em um eventual “conto do vigário”, e "entregar" os destinos de uma população nas mãos de uma pessoa que anda em má companhia, sendo que existem bons nomes com o passado limpo, que se mostram dispostos a um trabalho baseado na  ética, e  na transparência, caso sejam eleitos.

O que realmente pesa em desfavor do nome da pré-candidata é suas amizades, pois a mesma é apoiada por  deputado federal Weverton Rocha,  que dispensa comentários quanto ao assunto de traquinagem, por onde passou o homem deixou sua marca registrada, ou seja  "confusão", foi acusado por exemplo, de ter desviado recursos das obras do ginásio Costa Rodrigues em São Luis, quando foi nomeado secretario de desporto no então governo Jackson Lago.

Outro apoiador da pré-candidata é o ex-ministro do trabalho e “dono” do (PDT) Carlos Luppi, aquele que foi acusado de desviar recursos do fundo de amparo ao trabalhador, por esse motivo perdeu o cargo de ministro, e se viu envolvido até o pescoço em outras acusações de desvio de recursos públicos. Por isso dispensa comentário.

Portanto, o povo imperatrizense tem que refletir muito bem, e analisar criteriosamente quem é melhor para o bem estar do município, pois as cartas estão na mesa, cabe a população saber joga-las. Tem o ditado que diz, digas com quem tu andas que te direi quem tu és.

Veja nesses links ai  abaixo,a ficha corrida dos apoiadores da pré-candidata.