20 de julho de 2016

PARTIDÁRIOS DA EX-PREFEITA GLEIDE SANTOS IMPLANTAM GUERRA PSICOLÓGICA EM AÇAILÂNDIA

Açailândia - O clima politico no município de Açailândia continua tenso nesse momento, devido à guerra psicológica implantada por partidários da prefeita cassada Gleide Santos, entre um boato e outro, a todo instante comenta se que a ex-prefeita que foi cassada por decisão da maioria da câmara municipal, irá voltar ao poder custe o que custar.


O editor desse blog indagou diversos advogados assim como outros especialistas no assunto, e todos por unanimidade foram categóricos em afirmar de que a situação jurídica da ex-prefeita Gleide Santos é irreversível, e que juridicamente a mesma não terá as mínimas chances de retornar ao cargo, devido às provas serem irrefutável e bastante consistente de que realmente a mesma usou maquinas da prefeitura em beneficio próprio.

Quando se fala juridicamente, abre se um pretexto para dizer que não se pode afirmar o mesmo quando a questão de apadrinhamentos, pois no Brasil, especialmente no estado do Maranhão é comuns cacifes do interior esbravejar de que é amigo de A ou B, e que o mesmo vai "mexer seus pauzinhos" a seu favor, e para surpresas de muitos, acontece cada decisão que por mais leigo que sejamos no assunto, percebe-se que houve favoritíssimo.

A própria ex-prefeita Gleide Santos segundo publicou o blog do Diego Emir veja Aqui, teria afirmado Com intuito de reverter à decisão a seu favor: onde Gleide teria buscado tranquilizar seus aliados, com a certeza que retornará ao cargo, pois de acordo com a prefeita, “os membros do Tribunal de Justiça do Maranhão são todos movidos por dinheiro e isso não lhe falta”, declarou. 

Se promotor quiser ser prefeito, que vá se candidatar” Desafiou a então prefeita de Açailândia.


Após o afastamento de Gleide Santos do cargo, o município estar novamente encontrando sua vocação de desenvolvimento, onde a gestão do prefeito Juscelino Oliveira, tem resgatado a credibilidade da maquina publica, reorganizado assim a administração, onde até mesmo uma simples ambulância não existia no munícipio, pois tudo virou sucata durante a passagem de Gleide Santos a frente da prefeitura, e hoje a grande maioria da população só quer distancia desse passado sombrio que houve no município.

Mais uma vez a população viveu momentos de incertezas, pois a "central de boataria" implantada por partidários da ex-prefeita dava como certo o retorno da mesma ao cargo ontem 19/07, e já à tarde o recebemos a informação de que a decisão do Tribunal de Justiça do Estado do Maranhão (TJ/MA) foi anulada, e que ficou marcado para a próxima quinta feira, a decisão do tribunal onde a prefeita cassada pede uma liminar suspendendo a seção da câmara municipal que lhe afastou do cargo.