COMPRE DIRETO DA CHINA SEM INTERMEDIARIO

Nosso negócio é baixar sua conta de energia

21 de outubro de 2016

A "MORTE" DO RIO TOCANTINS: USINA HIDROELÉTRICA DO ESTREITO E EMPRESA SUZANO PODEM TER "RESPONSABILIDADES" PELO MAIOR IMPACTO AMBIENTAL DA HISTORIA..


Em toda sua existência, o ex-majestoso Rio Tocantins sobreviveu a tudo; seja o desmatamento de suas margens, a retirada ilegal de areia, o derrame de esgoto sem tratamento e etc. Mais a implantação da usina (UHE) Hidroelétrica do Estreito, sem sobra de duvidas foi crucial para “matar” o Rio Tocantins, que nesse momento ainda estar quase “vivo”, mais respirando na “UTI”.

E fica uma alerta a todos, ou a população se organiza em torno de um projeto de restauração do Rio Tocantins,  juntos  buscar  ajuda de organismos internacional em defesa do meio ambiente, ou vai ser tarde demais. Talvez  quando se pensar fazer alguma coisa, defunto  já  se encontrará “enterrado”.

Mesmo assim, a usina hidroelétrica do Estreito não é culpada sozinha por esse crime, pois existe outra possível causadora pelo que estar acontecendo, e esse problema  vem passando despercebido, que foi o grave erro de se autorizar  à implantação da empresa Suzano as margens do rio.

Já com a empresa Suzano, devido à sensação de um falso progresso, isso ninguém fala nada.  Pois há vários relatos que essa empresa além de utilizar os recursos hídricos do ainda "vivo" Rio Tocantins, há informações  que a mesma vem jogando dejetos industriais dentro das águas do Rio Tocantins.

É preferível "fechar” parar as atividades tanto da empresa Suzano bem como  a (UHE) Usina Hidroelétrica do Estreito, em vez de se acabar de vez com o rio Tocantins. Isso é um alerta a todos aqueles que querem brincar de Deus, visando apenas o dinheiro fácil. 

Que se pense muito bem antes de se pensar em construir outras hidroelétricas por ai afora, despeitando os estudos de impacto ambiental. Hidroelétrica nunca mais.

E outra, não espere nada de bom desses “nobres” deputados, pois no momento que se precisou da intervenção dos mesmos, eles foram conivente, “frouxos” e só defenderam os interesses empresariais, e em momento algum, foram capazes de observar o que os ambientalistas já alertavam. Que o rio Tocantins poderia sumir do mapa. 
--- ---

COMPRE DIRETO DA CHINA SEM INTERMEDIARIO