COMPRE DIRETO DA CHINA SEM INTERMEDIARIO

Nosso negócio é baixar sua conta de energia

20 de abril de 2017

Deputado Léo Cunha, teve a infelicidade de usar a tribuna da assembleia legislativa para enaltecer possível posse de terreno do 50 BIS.

O deputado estadual Léo Cunha (PSC), teve o desprazer de usar a tribuna da Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão, para enaltecer o que o mesmo acha ser algo relevante, ao forçar a barra, para adquirir para o município, uma área de terra pertencente ao quartel do 50 BIS em Imperatriz-MA. Com isso, esse local tem tudo para ser transformado em mais um "elefante branco", ou  mesmo em um local para encontro de marginais.


Só para relembrar, o exercito brasileiro é um dos poucos órgãos que é um orgulho do povo brasileiro. Diferente de outros, é um dos poucos órgãos governamental que funciona e é respeitado por todos. É inadmissível, enquanto o exercito na pratica precisaria mesmo era de uma área maior para suas atividades, aparece o deputado e o governador do estado, com um projeto tipicamente eleitoreiro.

Essa ideia de se construir uma praça, na pratica pode se transformar mesmo é em mais um local de encontro de marginais, já que o governo do estado é incapaz levar segurança publica as praças já existentes. E com isso, quase ninguém tem coragem hoje de frequentar as praças ou logradouros públicos já existentes, devido à falta de segurança.

Enquanto a população clama por geração de emprego e renda, por transparência e seriedade na gestão pública. Enquanto a população sonha em ter uma saúde ao menos regular. Enquanto o povo busca ter uma segurança que traga paz a todos, o deputado Léo Cunha e o governador Flavio Dino seguem caminhos opostos, e em vez de buscar solução para os problemas que afeta em cheio a população, ambos resolve prejudicar um dos órgãos mais serio existente no brasil. que é o exercito brasileiro.

--- ---

COMPRE DIRETO DA CHINA SEM INTERMEDIARIO