COMPRE DIRETO DA CHINA SEM INTERMEDIARIO

Nosso negócio é baixar sua conta de energia

19 de abril de 2017

"Suzano é nociva ao Maranhão". Foi o que disse o corajoso deputado estadual Raimundo Cutrim

 Deputado Raimundo Cutrim falando às verdades que outros não têm coragem.
NOTA DO BLOG.
Além de nociva, a Suzano está destruindo a economia de Açailândia, e a qualquer momento essa destruição pode aumentar ainda mais. Desde que começou a operar em Imperatriz, o clima de insegurança só aumenta, já que nos bastidores, comenta-se que a Suzano estaria tentando comprar o que sobrou do setor siderúrgico de Açailândia.
Sem contar que a empresa Suzano, vem cometendo diversos crimes ambientais, e os órgãos de fiscalização que por sinal estão todos sucateados fazem vistas grossas. Dentre esses crimes, a mesma está destruindo diversas nascentes de rios e córregos por onde a empresa tem plantação de eucaliptos. Enquanto a população não se manifestar, e ir protestar nas ruas solicitando o fechamento dessa empresa, em pouco tempo estararemos vivendo no maior deserto do brasil.

O QUE DIZ O DEPUTADO RAIMUNDO CUTRIM

O deputado Raimundo Cutrim (PCdoB) destacou, na sessão desta terça-feira (18), a tensão que está ocorrendo entre a empresa Suzano e a Associação dos Trabalhadores Rurais do Assentamento Sapucaia, no município de Açailândia. Ele afirmou também a Suzano é nociva ao Estado do Maranhão.
Segundo o deputado, 157 famílias residem na Vila Nova dos Martírios – uma área da Vale com mais de 30 mil hectares, denominada Fazenda Jurema, na MA-125 – desde o ano de 1999. Ocorre que em 2009 a Vale vendeu a área para a Suzano e, desde então, a empresa vem entrando na justiça para tirar as cerca de 800 pessoas que ali residem e de onde tiram os seus sustentos.
Raimundo Cutrim afirmou que a Associação entrou com uma ação de reintegração de posse e que no último dia 15 foi expedido pela justiça o mandado dando lhes o direito de permanecerem na fazenda.  “Eles estão sendo tratados como bandidos, como invasores, mas eles estão ali desde 1999, por isso eu acho que o INCRA deveria analisar melhor a situação daquelas pessoas”, acentuou o deputado.
Nociva ao Estado

O deputado voltou a afirmar que a Suzano é nociva ao Estado do Maranhão, pois além de estar estragando o solo da região de Açailândia, só oferece emprego de mão-de-obra bruta aos maranhenses.
“A Suzano só emprega mão-de-obra bruta, não qualifica os maranhenses. Ela é nociva ao Estado do Maranhão”, afirmou Raimundo Cutrim chamando atenção dos entes estadual e federal para analisar e frear o crescimento desordenado das plantações de eucalipto no Estado do Maranhão.


--- ---

COMPRE DIRETO DA CHINA SEM INTERMEDIARIO