11 de maio de 2017

Lula além de um tremendo “ator”, é também o "maior" mentiroso do Brasil.


O ex-presidente Lula, além de ser um "bandido perigoso", é também um belo “ator”, usa a mesma tática de Joseph Goebbels, ex-ministro da propaganda de Adolf Hitler, que dizia; “Uma mentira repetida mil vezes torna-se verdade”.  Ironicamente, o ator em questão, é um admirador de Hitler, conforme o mesmo já falou isso em publico.


Malandramente, o ator Luís Inácio Lula da Silva, agora tem uma tática a seu favor, usar o nome da própria esposa já falecida para se “safar” de acusações, pois é sabedor que morto não se defende. Agora humildade para assumir seus erros o mesmo não tem e não demostra que jamais assuma um dia.

Pilantramente falando, o ator Lula acredita mesmo é no poder de convencimento de uma boa parte da população, que desinformada, sem perspectiva de futuro, e se contenta com “esmolas” de programas sociais, os verem como um verdadeiro “líder” um “herói”, “assim como eu mesmo já o vi um dia, só que observei isso a tempo, e me libertei”.

Em outra situação, tem que se "tirar o chapéu" para o chefe maior da organização criminosa. Pois  as “engrenagens” usadas para construir o esquema de corrupção generalizada, montado pelo “Partido dos Trabalhardes” (PT), para assaltar o Brasil é tão bem feita, que para ser desmontada um dia, vai precisar de uma excelente equipe de técnica, composta de  mecânicos e engenheiros.

O caso é serio, ou se faz algo agora, ou o Brasil vai está condenado pelo resto da vida. Pois agremiação criminosa conseguiu juntar para si, um verdadeiro exercito de defensores.  São lideranças religiosas, famosos, jornalistas, médicos, advogados, juízes, desembargadores, ministros, e diversos seguimentos da sociedade, fazendo com isso, um embaraço, difícil de ser desmontado.   


--- ---