9 de junho de 2017

“Assis Ramos mandou um mestre de obras criar uma empresa para coletar lixo”, acusa Madeira

Assis Ramos e Sebastião Madeira travam briga de acusações…
Ainda rende, e muito, o caso da coleta de lixo na segunda maior cidade do Maranhão. Após o prefeito Assis Ramos insinuar que o ex-prefeito Sebastião Madeira (PSDB) recebeu propina de R$ 200 mil, o tucano em nota publicada nesta quinta-feira (8), rebateu as acusações.

Sem economizar adjetivos, Madeira partiu para cima do atual prefeito. “Esse Assis Ramos é um mentiroso e idiota que mandou um mestre de obras criar uma empresa para coletar lixo com um capital inicial de R$ 120 mil e depois alterou para R$ 2 milhões e ganhar R$ 35 milhões ao ano, o que significará um rombo aos cofres da prefeitura”, respondeu ao blogueiro Luis Cardoso sobre as insinuações de seu sucessor na prefeitura.
Assis Ramos tem recebido duras criticas por ter aumentado em R$ 16 milhões a coleta de lixo na cidade, ao trocar a empresa Brasmar pela Construtora Redenção – acusada de ‘fabricar’ o aumento de seu capital social.
A primeira, realizava a coleta de lixo por R$ 18,5 milhões ao ano, utilizando 450 funcionários. Por sua vez, a segunda, usando 211 trabalhadores, faz o mesmo serviço por nada menos que 34,5 milhões por ano. E detalhe, a Construtora Redenção não se responsabiliza pelo fornecimento de insumos e materiais necessários à realização do serviço, como vassouras, sacos, par, cal, material de EPI, maquinas roçadeiras e etc. Já a  Brasmar incluía tudo no mesmo pacote.
Esse é o motivo da revolta da população e dos vereadores na Câmara.
--- ---