14 de junho de 2017

Danilo Gentilli age bem ao mostrar que não devemos abaixar a cabeça para monstros totalitários como Maria do Rosário

Por .


O ridículo não se dá apenas pelo fato destas figuras pedirem que a PF deixe de se ocupar com ações sérias como a Operação Lava Jato para se preocuparem com o que um comediante disse, mas também pela farsa de se estabelecer o “crime de abuso da liberdade de expressão”. Isso é uma pantomina. Imagine se a moda pega? Alguns serão presos por suposto abuso do direito a legítima defesa, outros serão presos pelo abuso do direito a propriedade privada, por abuso do direito a igualdade e por aí vai. Só as mentes deformadas pelo autoritarismo podem conceber algo assim, da mesma forma com que Lula viu excesso de democracia na Venezuela. Para eles, até a liberdade de respirar sem autorização dos carrascos é um abuso. 


"Agora, a defesa de Gentili pediu para o MPF investigar uma eventual prática de improbidade administrativa da deputada por, segundo o advogado do humorista, a parlamentar ter usado a estrutura da Câmara para tentar ‘censurá-lo’.“Nós entendemos que a deputada Maria do Rosário não deveria, de forma alguma, ter utilizado a estrutura da Câmara para notificar Danilo Gentili. Ela buscou, no nosso entendimento, censurar uma pessoa usando a máquina pública, algo absolutamente impensável”, afirmou o advogado de Gentili, Maurício Bunazar. O pedido da defesa de Gentili já foi protocolado e está em trâmite no MPF, de acordo com a sua defesa. Além disso, foram anexadas cópias do tweets trocados entre o apresentador do The Noite e Maria do Rosário e da notificação da deputada (que ele rasgou).“O que ensejou a notificação foram tweets que eles trocaram que nada tinham a ver com a posição parlamentar. Era uma posição da Maria do Rosário, não da deputada”, diz Bunazar, advogado de Gentili".

No entanto, chama atenção que a deputada se utilize da estrutura da Câmara para perseguir um crítico. Isso é completamente desproporcional. É um sintoma de um país doente, por acaso o mesmo país em que uma guarda de trânsito foi condenada a indenizar um juiz infrator por ter dito que “juiz não é Deus” após uma carteirada. Onde é que nós estamos? Mas o que que é isso? O que que é isso? 

Não vamos pedir para Maria do Rosário mudar sua postura, quando sabemos que ela reverencia todos os que sepultaram os direitos humanos em seus países. Nem vamos ensinar para ela que o nosso sistema ainda prevê estes direitos, já que ela sabe muito bem disso. Vamos apenas cumprimentar Danilo Gentili pela coragem demonstrada até agora. Monstros como Maria do Rosário se combatem não só com o deboche, mas também com a lei. Foi por deixar quieto que Jair Bolsonaro está sendo processado e pode até ficar inelegível, pois não tratou a agente fascista como deveria. Sim, a petista foi valente na frente das câmeras da RedeTV por ter visto ali um bom picadeiro. Será que ela seria tão valente se fosse obrigada a provar que o deputado era estuprador? Certamente não. Gente como Maria do Rosário só se dá bem quando espreita suas presas pelas costas, quando pegam a traição.    
Em tempo: já que ele foi até o MP, poderia ter pedido também que investigassem algumas acusações de recebimento de dinheiro sujo por parte da deputada que defende estupradores menores de idade.



--- ---