27 de novembro de 2017

Quadro clínico do prefeito de Açailândia Juscelino Oliveira é positivo e alta médica pode ser até antecipada.

O pós cirúrgico surpreendeu a equipe médica do prefeito de Açailândia Juscelino Oliveira e após o procedimento que poderá ser realizado ainda na data de hoje, em São Paulo, para a desobstrução de uma artéria coronária, a alta médica poderá acontecer até antes do que o previsto.

A cirurgia do pulmão realizada na última sexta-feira (24) foi tão positiva que o prefeito ainda no final da tarde de sábado deixou a UTI e nesta segunda, dia27, deverá ser transferido para uma enfermaria comum, destinada a pacientes em pós operatório. A expectativa é que o prefeito retorne ao município de Açailândia bem mais cedo que o previsto

O prefeito Juscelino já recebeu visitas e mensagens de várias autoridades políticas como dos senadores Lobão e Roberto Rocha.

Na manhã de domingo, ontem, Juscelino acompanhado da esposa Josélia Santos e do Filho Juscelino Júnior dedicou o tempo pra ver e responder as inúmeras mensagens de positividade pela recuperação do amigo. “Papai acordou hoje [domingo] muito sorridente e falador. Fiquei muito feliz em testemunhar isso”, disse Juscelino Júnior.

Linha Sucessória

Logo após o anúncio da necessidade do prefeito de Açailândia Juscelino Oliveira se submeter a intervenções cirúrgicas para tratamento de problemas pulmonares e do coração, os bastidores políticos da cidade entrou em polvorosa – reuniões e mais reuniões puderam ser flagradas abertamente – o assunto, infelizmente, não era a saúde do prefeito, mas sim, a possível linha sucessória ao cargo de prefeito.

Os comentários maldosos e desumanos chegaram a ponto de esquecer a recuperação do prefeito Juscelino e direcionar as suas alças de mira para o vice-prefeito Aluísio, sucessor natural, no caso de um possível afastamento dotitular. Nas reuniões o assunto recorrente era que o vice, por também estar com a saúde frágil não suportaria assumir o comando do município. A partir de então as especulações cresceram e as reuniões viraram uma constância.

Como a mãe da burrice sempre foi e sempre será a falta do conhecimento, vale um aviso aos mais afoitos. Em caso de uma possível vacância dupla, ou seja a impossibilidade de prefeito e vice, o que se torna cada vez mais remota, em virtude da surpreendente recuperação do prefeito Juscelino e do vice Aluísio está vendendo saúde, a cidade de Açailândia seria submetida a uma eleição suplementar, haja vista, o atual mandato ainda se encontrar no seu primeiro biênio.

Simples assim!!!.
--- ---