Sem público, caravana da “Guerreira” vem colhendo o que plantou. E Flavio Dino deve ser expurgado do governo pelo voto.

A cara do atraso/ Foto Folha de Cuxa

A caravana intitulada da “Guerreira” que começou a percorrer diversos municípios Maranhenses, tentando captar apoio para a pré-candidata ao governo Roseana Sarney, está colhendo apenas o que plantou. A falta de público nos eventos, mostra que o tempo passou, o povo acordou, e político que tenta levar o povo no banho maria, vai perdendo espaço.


O não apoio a filha do velho oligarca Jose Sarney, não significa dizer que o povo deve seguir apoiando o governo comunista Flavio Dino. Pois no final das contas, é tudo farinha do mesmo saco. O que se ver, é apenas um embate político polarizado entre duas figuras, que tenta mostrar quem é o menos corrupto.

O comunista perseguidor, aumentador de impostos, que massacrou a classe produtiva do estado, que inaugura obras de péssima qualidade, superfaturadas, herdadas do governo de Roseana Sarney, como se fosse obras sua, já demonstrou que não tem a mínima competência para seguir a frente do governo do Maranhão. Afinal, o estado é bem maior do que os camaradas.

Flavio Dino ale de perseguidor contumaz, e defensor de bandido condenado, é um tremendo traidor, pois todos que ousem enfrentar o aparente poderio comunista são colocados no ostracismo político. Que o diga a ex-deputada, e ex-adjunta da saúde a odontologia Rosangela Curado, e o ex-governador e deputado federal, que ajudou Dino a se tornar governador.

Se eu fosse o senador Edson Lobão, tinha vergonha de sair fazendo campanha, tinha vergonha de ficar frente a frente do povo, especialmente da classe dos ex-garimpeiros de Serra Pelada, onde esse individuo quando ministro, trucidou e acabou com sonhos, com a ultima esperança dos velhos garimpeiros, que ainda jovens, viram nascer uma esperança, quando o tal senador foi nomeado ministro.

E hoje, já velhos, sem forças para lutar, abandonados a própria sorte, jogados como um amontoado de "lixos humanos", levam uma vida triste e medíocre no povoado de Serra Pelada. Devido um dia  acreditar em um sujeito que quando ministro, teve todas as chances de ajudar essa classe, e não o fez porque não quis. 

Lobão ajudou sim! Montou uma organização criminosa para administrar a cooperativa de garimpeiros de Serra Pelada, onde indicou seus apadrinhados, que transformou em pesadelo o único sonho que os garimpeiros tinha, e conseguiram sugar ainda mais a classe dos garimpeiros.

Por tanto, diga não ao atraso, não existe só Roseana Sarney, muito menos Flavio Dino, Lobão, João Alberto e cia, como opção politica para se tornar governador do estado. Temos que abrir bem os olhos, e olhar para frente, e aposentar toda essa classe política que só sabem mesmo é saquear os cofres públicos, que só quer enriquecer as custa da miséria do povo sofrido, e oprimido, do falido e miserável estado do Maranhão.

Tecnologia do Blogger.