Buritrana de Luto: Morre dois ex-vereadores Canuto Aquino Ribeiro, e Antonio Aroldo de Oliveira

Ex-Vereador Canuto Aquino com uma de suas Netas
Ontem 24/04/2018, a população no município de Buritirana foi sacudida com duas noticias triste. A primeira veio com a informação da morte do comerciante e ex-vereador Antonio Aroldo de Oliveira, que segundo informações, estava fazendo compra, quando passou mal vindo a falecer. 

Em seguida, outra noticia, dava conta da morte do também ex-vereador Canuto Aquino Ribeiro, o mesmo se encontrava hospitalizado em Teresina-PI, onde estava em tratamento de saúde.

Dois homens e um destino, ambos nasceram predestinados a servir o próximo, construir amizades, e contribuir para o desenvolvimento do então distrito de Buritirana, com a intenção de transformar o mesmo em município, para que se desenvolvesse, e seguisse sua vocação como município independente.

E QUEM ERA AROLDO? 
Como vereador de Buritirana, quando a mesma pertencia territorialmente a João Lisboa, Antonio Aroldo de Oliveira, ainda na gestão da ex-prefeita Nita Menezes na década de 1970, dentre inúmeros serviços prestados, o mesmo conseguiu realizar o sonho da população de Buritirana, que foi a instalação do primeiro gerador de energia elétrica para abastecer o antigo povoado.

O gerador funcionou por muito tempo, onde abastecia de forma gratuita boa parte das residências de Buritirana. O mesmo foi instalado na rua que ficou conhecida por rua do motor, e entrava em operação às 18 horas, e era desligado às 22 horas. Nessa época, foi uma revolução tecnológica. Isso foi fruto do trabalho do então vereador Antonio Aroldo de Oliveira.

Mesmo em uma época difícil, onde praticamente não havia nem mesmo estrada. Na época, o então vereador Antonio Aroldo de Oliveira, conseguia junto à prefeitura de João Lisboa, a construção da estrada que na época era de chão batido, e através do trabalho do então vereador Aroldo, a prefeita Nita Menezes sensibilizada com a situação, construiu a estrada piçarrada que liga Buritirana a João Lisboa.

CANUTO AQUINO 
Canuto Aquino Ribeiro foi eleito vereador pela primeira vez em 1983, e cumpriu seu mandato até 1988. Naquela época foi eleito como prefeito de João Lisboa o ex-prefeito (in memóriam), Valdemar da Mota e Silva, para um mandato de 1983 a 1988. Nessa época, o então distrito de Buritirana, pertencia territorialmente ao município de João Lisboa.

Em 1988, Canuto Aquino Ribeiro, é releito vereador pelo Partido Democrático Trabalhista (PDT) com 251 votos. Na mesma eleição, saiu vitorioso das urnas como prefeito de João Lisboa para o mandato de 1988 a 1992, o advogado Sálvio de Jesus Castro Costa (Sálvio Dino). Nessa época, o distrito de Buritirana ainda pertencia territorialmente ao município de João Lisboa.

Nas eleições de 1992, mais uma vez o “velho guerreiro” lança seu nome como candidato a vereador, pela coligação “Gente Nossa”, encabeçada pelos partidos PFL/PSC/PST, não consegue a reeleição, ficando como suplente da coligação. Nessa época foi eleito prefeito de João Lisboa com 8.094 votos pela coligação “João Lisboa tem Coragem”, Raimundo Nonato Vieira, o (Raimundo Cabeludo) para um mandato de 1992 a 1996.

BURITIANA JÁ EMANCIPADA 
Em 2004 Canuto Aquino Ribeiro lança seu nome como candidato a prefeito de Buritirana, pelo Partido Socialista Brasileiro (PSB), e obtém apenas 1269 votos. O mesmo concorreu com Jose Willian de Almeida, (Zé do Mundico), que foi eleito com 5.946 votos, para um mandato de 2004 a 2008.

Em 2008, mais uma vez o velho guerreiro lança seu nome como candidato a vereador pelo partido democrático trabalhista (PDT), e obtém apenas 76 votos. Mesmo assim, Canuto Aquino Ribeiro jamais baixou a cabeça, e segue firme com seus ideais, e sempre sonhando com uma Buritirana desenvolvida, para que as novas gerações tenha um excelente lugar para viver. 

O homem que desbravou, lutou incansavelmente, e ajudou na emancipação política de Buritirana, mesmo tendo uma carreira política vitoriosa ainda quando Buritirana fazia parte do município de João Lisboa, não conseguiu seu grande sonho, que era o de ser prefeito da cidade, que o mesmo ajudou na sua fundação. 

REFERENCIAS

Antonio Aroldo de Oliveira, nasceu em 12/11/1940, tinha (77 anos) de idade. Foi eleito vereador por João Lisboa, em 15/11/1976, cumpriu o mandato de 1977 a 1982. Durante a gestão da ex-prefeita Nita Menezes. 

Canuto Aquino Ribeiro, nasceu em 03/06/1933 tinha (84 anos de idade), foi eleito vereador por dois mandatos de 1983 a 1988, durante a gestão do ex-prefeito (In Memoriam) Valdemar da Mota e Silva. E um segundo mandato, de 1989 a 1992 durante a gestão do ex-prefeito Sálvio Dino.

O prefeito de Buritirana Vagtônio Brandão,  decretou luto oficial no município, em virtude da perca de duas importantes personalidade que muito contribuíram com o  desenvolvimento do município.

MENSAGEM DO BLOG

Perder duas pessoas querida assim, tão de repente, nos traz uma dor enorme para dentro do peito, e ficamos com a ideia que nunca mais seremos os mesmos. Infelizmente, em parte, isso é bem verdadeiro, após a partida de um grande amigo, sempre ficará um vazio na nossa vida, mas nunca, jamais, poderá permitir que a tristeza seja mais forte que a saudade.
Tecnologia do Blogger.