Vaticano desmente PT e diz que papa Francisco não enviou terço a Lula

O Papa Francisco não enviou nenhum  terço ao ex-presidente e presidiário Luiz Inácio Lula da Silva (PT), por meio de um assessor, Lula está hospedado em um quarto com banheiro na sede da policia federal em Curitiba-PR.


Para acabar de vez com a chance do Brasil de se tornar um país no mínimo possível sério, todos os dias, Fake News são colocado na mídia  com a expectativa de tentar livrar da hospedagem, o perigoso bandido Luiz Inácio Lula da Silva. Afinal, os danos causados pela organização criminosa do PT, são irreversíveis, e vai levar anos para se recompor a economia brasileira.

A falsa informação como já é uma praxe dos movimentos esquerdopata do brasil, que mente descaradamente, foi divulgada por diversos sites desde segunda-feira (11). Uma observação, todos os sites tem ligação direita e aberta com o PT, e o chefe maior da organização criminosa que quebrou o Brasil.

Como o bem sempre vence o mau, a falsa informação foi desmentida nesta terça-feira (12) pelo Vaticano, mas só a postagem feita pela página de Lula no Facebook já acumula mais de 20 mil compartilhamentos, segundo a ferramenta de monitoramento Crowdtangle por volta das 14h.

Usuários daquela rede social denunciaram como enganoso o mesmo conteúdo em publicações de pelo menos três sites: Brasil 247, Política Atual e Último Segundo (entenda como funciona).

Leia a nota do Vaticano divulgada pelo Vaticanews:
“O advogado argentino Juan Gabrois, fundador do Movimento dos trabalhadores excluídos e ex-consultor do Pontifício Conselho Justiça e Paz, deu uma entrevista em sua tentativa de visitar o ex-presidente Lula na prisão de Curitiba, onde está detido há mais de dois anos meses. Grabois disse que a visita era pessoal e não em nome do Santo Padre. Ele não teve a permissão para se encontrar com Lula.
Na entrevista, ele nunca declarou que foi o Papa a enviar o Terço, mas simplesmente que se tratava de um Terço que tinha sido ‘abençoado’ pelo Papa. Terços como esse são levados, como o Santo Padre deseja, a tantos prisioneiros do mundo sem entrar no mérito de realidades particulares.”
Tecnologia do Blogger.