MARANHÃO 2018: A corrida eleitoral não será tão fácil como pensavam aqueles que hoje perambulam pelos tapetes vermelhos do Palácio dos Leões.

Desemprego, falta de investimentos,  perseguições,  mentiras, declarações de apoio a presidiário podem ser crucial para derrota de Flavio Dino.
A corrida eleitoral não será tão fácil como pensavam aqueles que hoje perambulam pelos tapetes vermelhos do Palácio dos Leões.


É o que mostra a pesquisa IBOPE divulgada hoje.

Ao contrário das pesquisas divulgadas por meios de comunicação aliados ao governismo ao longo deste último ano, todas locais, que davam e dão uma grande vantagem para o ocupante palaciano, a pesquisa do instituto nacional mostra um cenário totalmente diferente.

Apenas 9% de diferença entre o Dino e a Roseana!
Para o Senado, Lobão e Sarney Filho colocam-se em primeiro e segundo lugares empatados tecnicamente.

Isto tudo representa uma força do sarneyísmo na política maranhense revigorado com o governo de pouco ou nenhum sucesso do Flávio.

Precisamos aguardar o desenrolar da campanha eleitoral. Ainda há espaço para o crescimento da candidatura do senador Roberto Rocha que, se fizer um discurso contundente mostrando as mazelas do atual governo poderá melhorar muito o seu desempenho nas principais cidades do estado, especialmente em São Luis e Imperatriz.

Zé Reinaldo e Alexandre Almeida são os melhores candidatos ao Senado e poderão surpreender.

Eis uma indagação particular:
"O atual governador ainda acha que pode se reeleger e eleger os seus dois candidatos ao Senado facilmente depois de trair o seu padrinho político, maltratar boa parte dos políticos, fazer política em vez de governar e esbanjar soberba como nenhum outro governador fizera no Maranhão?".

A difícil escolha para o senado:

Os estados tem a obrigação de eleger os seus melhores candidatos para desempenhar tão nobre função.

E, como o nosso sistema caducou, não está fácil escolher.

Mas, de antemão, acho que as piores candidaturas do nosso estado são a do menino do Lupi e amigo-irmão do Flávio, Weverton Rocha, a do Edison Lobão e a do Sarney Filho, que não tem mais nada a oferecer ao país além da mesmice.

Se o eleitor maranhense quiser melhorar aquela casa deve descartar esses três.
Tecnologia do Blogger.