Açailândia comemora resultado positivo da Campanha de Vacinação atingindo a meta máxima em mais de 100% da cobertura vacinal no Maranhão contra pólio e sarampo

Os municípios do Maranhão que não atingiram a meta de vacinar 95% das crianças contra a poliomielite e o sarampo tiveram que abrir os postos de vacinação no sábado (1º/9).

A orientação para que os gestores locais realizassem uma nova mobilização, foi do Ministério da Saúde. 

A medida teve como objetivo vacinar 499 mil crianças no estado, de um ano a menores de cinco anos. Até a última quinta-feira (30), cerca de 83,2% do público-alvo no Maranhão recebeu a vacina contra a pólio e sarampo. Mais de mil crianças 83,3 ainda não tinham sidos vacinadas, no estado.

A Campanha Nacional de Vacinação Contra a Poliomielite e Sarampo estava na reta final e em todo o país, 2,6 milhões de crianças ainda precisavam receber as duas vacinas. Por este motivo, o Ministério da Saúde determinou aos gestores acrescentar mais um dia na campanha de vacinação. 

A última atualização enviada pelos estados, mostrou que, até na quinta-feira (30), 76,1% das crianças brasileiras se vacinaram. 

Em todo o país, foram aplicadas mais de 17 milhões de doses das vacinas. 

A organização da mobilização do sábado (1º/09) foi de responsabilidade de cada município que não atingiram a meta.

Segundo o Ministério da Saúde, até o dia 31/08, no Maranhão, cerca de 31 municípios não atingiram nem 50% de cobertura.

 A cidade de Arame teve apenas 14% do público alvo imune e foi o município com o menor índice de vacinação no Maranhão, porém com a prorrogação atingiu a meta de 100%.

Já o município de Açailândia, comemorou com muito sucesso o resultado final da campanha, ultrapassando a meta de 95%, atingindo a máxima de 100,30% nas duas vacinas contra Poliomielite e o Sarampo.

 "Nós não precisamos reforçar a vacina no sábado,1º./09, encerramos a campanha no município com o esforço no último dia de mobilização, na sexta-feira.31/08, dia oficial do encerramento da campanha conforme determinação do Ministério da Saúde. 

 Com isso, impedimos que doenças já eliminadas retornem ao nosso município com esta dupla imunização”, ressaltou a Secretária de Saúde Kerly Cardoso.

Ressaltou ainda, que o prefeito Juscelino Oliveira, também está de parabéns, pelo município conquistar este mérito inédito na área da saúde, superando a meta máxima da campanha de vacinação. 

“Quero agradecer ao apoio do prefeito Juscelino, pelo suporte que deu desde o início da campanha, em 06 de agosto.

A divulgação na mídia local, também foi de fundamental importância para o sucesso da campanha. Esta foi uma das preocupações do gestor municipal quando pediu para que a campanha fosse bem divulgada.

 Aproveito também para agradecer a todos os profissionais da saúde que incansavelmente estiveram envolvidos na vacinação e que foram capitaneados pela coordenadora do Setor de Imunização, Adriana Parra, bem como pela coordenadora da Atenção Básica da Saúde, a enfermeira, Solange Bandeira”, finalizou Kerly Cardoso.

ASCOM-PMA – Por: Antônio Maria 

FOTOS: Jackson Pereira 


Tecnologia do Blogger.