E pode? No Maranhão, politico com titulo de eleitor suspenso lança candidatura a deputado estadual



Enquanto-se  pensava  que já tínhamos  vistos de tudo nessa vida, de repente surge o inimaginável, o inusitado, algo patético, um verdadeiro deboche, um afronta a justiça. Estamos falando do lançamento de uma candidatura a deputado estadual,  de uma pessoa que se encontra com o titulo de eleitor suspenso pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Entenda o caso.

Você já imaginou uma pessoa que tem seu titulo de eleitor suspenso pela própria justiça eleitoral, devido haver uma enxovalhada de processos judiciais por ato de improbidades administrativas, e mesmo assim, essa pessoa tem a cara de pau de lançar seu nome como candidato a deputado estadual.

Pois essa pessoa existe, e chama-se Deusdedith Alves Sampaio, 60 anos de idade, medico, natural de Medeiros Neto – BA, e que por um acidente de percurso, por uma fraquejada da população de Açailândia, que o transformou em prefeito do município, e o mesmo como não tinha costume de comer melado, se lambuzou todo.

Segundo informações de bastidores da politica, o próprio Deusdedith é sabedor que sua candidatura é uma utopia, não vai a lugar nenhum,  que sua candidatura é puro blefe. Possivelmente, algo armado nos porões da residência da família Sarney em São Luís, apenas com o intuito de tumultuar o processo. Ou seja,  atrapalhar a disputa local e regional, daqueles que tem chance de sair vencedor.

Diante da situação irreversível, essa ideia de lançar uma candidatura mesmo com o titulo de eleitor suspenso, mesmo sabendo que a LEI diz, que para votar e ser votado, o cidadão tem que está em dia com suas obrigações eleitorais, é tão somente com o intuito,  de tumultuar o processo na disputa, e atrapalhar a eleição dos candidatos melhor posicionados, como exemplo, Sérgio Vieira, bem como o pastor Cavalcante.


Tecnologia do Blogger.