Bolsonaro tem piora no estado de saúde e alta é adiada

Segundo o último boletim médico, presidente teve febre durante a noite e exames laboratoriais apresentaram alterações.

Internado há uma semana para se recuperar de uma cirurgia para retirada da bolsa de colostomia, o presidente Jair Bolsonaro teve uma nova piora no estado de saúde nesta segunda-feira (4). 

O porta-voz do governo, Otávio do Rêgo Barros, afirmou em pronunciamento que o político não terá mais alta na quarta-feira, como estava previsto.

Apesar disso, Rêgo Barros declamou que é o estado de saúde de Bolsonaro é considerado dentro do esperado, diante das três grandes cirurgias pelas quais o presidente passou nos últimos quatro meses.

Nenhum comentário

SEJA BEM VINDO, PARTICIPEM E COMENTE A VONTADE

Tecnologia do Blogger.