Direito de expressão tolhido

Embora vivamos numa democracia, onde temos o “livre” arbítrio de emitir nossa opinião, nos últimos dias estamos sendo vitima de uma perseguição sistemática do nosso direito, através de uma certa candidata a prefeita do município de Açailândia, que se auto proclama acima do “bem e do mal”, que orientada por seus acéfalas, tenta a todo custo chegar ao poder.

Tenho 43 anos de vida, divorciado, natural da cidade de Buritirana-MA, pai de duas filhas, profissão técnico em eletrotécnica, e mesmo vindo de uma família humilde, carregamos os princípios de lealdade, honradez, e acima de tudo ser fiel os nossos princípios, e jamais querer para os outros, o que não queremos para nós.

Acreditamos em Deus, mas temos um lado espiritual independente de religião, respeitamos a posição religiosa de qualquer pessoa, mesmo que as mesmas tenham desvio de conduta, fato comum em um mundo capitalista, onde muitos se aproveitam da FÈ  alheia, para tirar proveitos financeiros. Por isso é que temos um lado espiritual independente de religião, e apenas Deus sabe o que quer, e pensa o nosso coração.

Temos muitos conhecidos, porem poucos amigos de verdade, mas os poucos amigos que temos, tratamos com zelo e lealdade, até por quer não é fácil se tornar amigo de uma pessoa com auto senso critico, que fala o que pensa, que não aceita e nem compactua com covardia, que não gosta de ir onde não é convidado, e que procuramos sempre ser correto com nossas atitudes.

Se nossa opinião não te agrada, e te deixa irritado, fiquem tranqüilos, que vamos continuar os mesmos, pois temos que ser autentico, e aprender a conviver com as adversidades, do contrario a vida não teria sentido, se não tivéssemos os problemas do dia a dia para serem encontradas as soluções.

O que nos deixa mas triste, não vem do fato de sermos injustiçado, mas sim do fato de cometermos uma injustiça com quem quer que seja, somos humanos, e temos o direito de errar, afinal de contas, ninguém é perfeito, e a maior qualidade do ser humano, é reconhecer seus erros, voltar atrás na hora certa, e pedir desculpas quando preciso for.

Aqueles desinformados, que poucos nos conhecem, e que tenta jogar nosso nome no lamaçal, que não sabe das nossas luta do dia a dia, para poder termos uma vida digna, não tem a mínima noção do quanto somos amados e queridos, por todos que convivemos no dia a dia.

Aos que esperam que as perseguições vai nos calar, vai só um aviso, jamais iremos fugir da luta!  Acreditamos em um ideal, temos direito as nossas escolhas, mesmo que não te agrade em nada, mas escolhas são escolhas, simples assim.
Tecnologia do Blogger.