29 de outubro de 2010

Homem fez sexo depois de matar menina em Mundo Novo

 
Foto: Ilustração
O pedreiro C.J.R, de 47 anos, contou à Polícia Civil que depois de matar uma menina de 10 anos, praticou sexo com o cadáver da vítima. Ele foi preso em flagrante em Mundo Novo.
A vítima foi vista pela última vez no domingo, na garupa da bicicleta de C. O pedreiro morava ao lado da casa da família da menina.
Ele relatou que era apaixonado pela criança há cinco anos. Ele convidou a menina no domingo para tomar banho no Rio Vitykuê e ao chegar lá, pediu a garota em namoro, disse.
Por ter recusado o pedido, ela foi morta com duas facadas no abdômen e uma no pescoço. A menina demorou cerca de uma hora para morrer.
Depois de esperar que ela morresse, ele praticou sexo e enterrou o corpo da menina às margens do rio, junto com a faca usada no crime.
A casa da família de fica em uma estrada que dá acesso à BR-163. O desaparecimento da criança foi registrado pela mãe na segunda-feira às 17h23.
Ele responderá pelos crimes de homicídio doloso (com intenção de matar), vilipêndio do corpo (tratar cadáver de forma desrespeitosa) e ocultação de cadáver. (Campo Grande News)
--- ---