12 de dezembro de 2016

6 dias de escuridão sobre a Terra ? Saiba a verdade

O assunto que a Terra irá ficar com 6 dias na escuridão ganha força nas redes sociais, no texto é informado que a NASA “confirmou” que entre os dias 16 e 22 de Dezembro de 2016, haverá 6 dias de completa escuridão na Terra (90% da luz solar ficará oculta), devido a uma tempestade solar.
A NASA nunca afirmou nada é apenas mais uma mentira que vem circulando na internet. Quem não lembra da paranoia sobre o calendário maia que previa o fim do mundo em 2012?
A NASA não fez pronunciamento nenhum, e nenhum grande veículo de comunicação no mundo divulgou isso.
Embora tempestades solares são fenômenos reais, ainda não houve nenhuma com grandes proporções, recentemente uma tempestade atingiu o Norte da Terra, mas só causou uma leve alteração no campo magnético do planeta que provocou alterações em satélites e nas transmissões por rádio, mas nada grave.
No texto é informado que que o chefe da NASA, Charles Bolden, fez o anúncio. Porém, é muito estranho que em nenhum de seus post recentes, o Major-General reformado do Corpo de Fuzileiros Navais dos Estados Unidos é atual administrador da NASA, Charles Frank “Charlie” Bolden, não tenha sequer publicado uma nota sobre essa história de que a Terra experimentará 6 dias de escuridão quase completa entre os dias 16 a 22 de dezembro. Então! Por que ele não postou nada? Porque não é verdade. Além disso, o site oficial da Nasa também não disse nada sobre essa história.
A possível relação do boato com acontecimentos apocalípticos pode ter surgido por diversos motivos. Entre eles poderiam ser citados, a recente aparição de uma das “Luas de Sangue” (vista de diversos locais do mundo). Fato é que há na Bíblia a citação de dias de completa escuridão em diversas passagens, como nos evangelhos, nas cartas do Apóstolo Paulo e até mesmo no livro de Apocalipse.
Entre as citações mais conhecidas mais conhecidas estão as de Mateus 24:29-34, que diz ”
29 Logo depois da tribulação daqueles dias, escurecerá o sol, e a lua não dará a sua luz; as estrelas cairão do céu e os poderes dos céus serão abalados.
30 Então aparecerá no céu o sinal do Filho do homem, e todas as tribos da terra se lamentarão, e verão vir o Filho do homem sobre as nuvens do céu, com poder e grande glória.
31 E ele enviará os seus anjos com grande clangor de trombeta, os quais lhe ajuntarão os escolhidos desde os quatro ventos, de uma à outra extremidade dos céus.
32 Aprendei, pois, da figueira a sua parábola: Quando já o seu ramo se torna tenro e brota folhas, sabeis que está próximo o verão.
33 Igualmente, quando virdes todas essas coisas, sabei que ele está próximo, mesmo às portas.
34 Em verdade vos digo que não passará esta geração sem que todas essas coisas se cumpram.”


--- ---