16 de dezembro de 2016

OS DEPUTADOS LÉO CUNHA, VALÉRIA MACEDO, E MARCO AURÉLIO APOIARAM PACOTE DE MALDADES DO GOVERNO FLÁVIO DINO

Dos quatros deputados estaduais da região tocantina, três deles que são Leo Cunha (PSC), Valeria Macedo (PDT), e o deputado comunista Marco Aurélio (PCdoB), se acovardaram, e juntos ao govenador Flavio Dino, deram de “presente de natal” ao povo do maranhão, um aumento de impostos de ICMS.

Com essa atitude absurda, cruel e covarde, haverá aumento de preços como, por exemplo; gasolina, energia elétrica, água, e muitos outros produtos de primeiras necessidades. E o pior de tudo, é que o Brasil vive hoje uma eterna crise financeira, gerada exclusivamente pela classe politica.

Pois nenhum cidadão é culpado pela crise politica, moral, e financeira que assola o Brasil. os únicos culpados por tudo isso, é a maioria da classe politica, aliado com a conivência e morosidade da justiça brasileira, que também vive um momento de descredito junto à população.

O pacote de maldades enviando pelo governador Flavio Dino foi aprovado pela maioria dos deputados estaduais do maranhão, o que prova que a assembleia legislativa do estado não tem nenhum compromisso com o bem estar social da população.

A assembleia legislativa do maranhão, em vez de defender o povo do maranhão, que já vive numa situação de miséria e caos social, se “acovardou”, e em vez de cortar na própria carne as mordomias dos deputados, resolve penalizar o povo maranhense com esse presente de grego.

Com a aprovação do aumento da alíquota de imposto, talvez o governo Flavio Dino tenha enterrado de vez seu futuro politico, uma vez que o mesmo pensa em sair candidato à reeleição, ou ate mesmo a sucessão presidencial.