DAYANE LIMA NUTRICIONISTA

DAYANE LIMA NUTRICIONISTA

2 de junho de 2017

Prefeito de Imperatriz Assis Ramos: Ele pensou que prefeitura era delegacia de policia.

Prefeito de Imperatriz Assis Ramos
“Acabou a paciência. Não adianta tapar o sol com a peneira. A cidade está parada porque o maior empregador da cidade, a Prefeitura, está parada. Está é que é a verdade”, protestou, em discurso contundente, o presidente da Câmara municipal de Imperatriz, vereador José Carlos Soares.


O presidente do poder legislativo de Imperatriz, que participava da sessão no Plenário da Casa.  Fez várias críticas ao governo do prefeito Assis Ramos, e disse que: “eles só são bonzinhos na televisão, no rádio, mas na verdade são perseguidores mortais”.

A fala do vereador Jose Carlos Soares, foi entendida como um ultimato ao prefeito de Imperatriz Assis Ramos. Afinal, o gestor foi eleito pela população como uma nova esperança, para resgatar a confiança a credibilidade da maquina administrativa.

O delegado que hoje está prefeito, era vista pelo povo como o novo, “honesto” e decente. E no decorrer dos meses após assumir o cargo, a população começa a ver o prefeito Assis Ramos com certa desconfiança. Inclusive já  se percebe, que o gestor não tem capacidade politica ou administrativa para seguir comandando uma das cidades mais importante do estado, que é Imperatriz.

Como prefeito, Assis Ramos é um excelente delegado. A população a cada dia se revolta e não é para menos, pois o gestor se apresentou para a população como um “exemplo” a ser seguido, e ao chegar ao poder, vem demostrando outra personalidade.

Um dos atos que pode até mesmo culminar com a “cassação” do mandato do prefeito de Imperatriz, é a possível alteração de forma “proposital”, do contrato social de uma microempresa de um alinhado politico de um dos secretários do prefeito.

Informações dão conta que, a tal alteração, que transformou uma microempresa em media empresa, após alteração do capital social da mesma, teve um o único intuito, o de “ganhar” uma licitação, para coleta de lixo e resíduos solos do município.  Segundo apurou o blog, a mesma foi direcionada para beneficiar terceiros.

Mostrando-se incapacidade politica, incapacidade de dialogo, aliado ao fato de ter formado conforme foi apurado pelo blog, um secretariado fraco e inexperiente, incapaz de ajudar o gestor. E conforme os dias vão passando, só se ver reclamação para todos os lados.

Se não houver mudanças rápidas na forma de condução do governo, Assis Ramos corre um sério risco de não terminar seu mandato de prefeito. Caso isso ocorra,  o mesmo  voltará de  onde  nunca deveria ter saído, a delegacia de policia. Afinal, como prefeito, Assis Ramos é um excelente delegado.