Em Buritirana, em vez concluir escola abandonada, governo Flávio Dino prioriza obras eleitoreiras como o asfalto sonrisal


Ao anunciar com o maior estardalhaço, o programa Mais Asfalto em Buritirana, município localizado na região Tocantina, a população esperava também por parte do governo do estado, o anúncio da conclusão da  sede da Flaudismar Alves de Sousa, que se encontra abandonada desde a gestão do ex-prefeito Zé do Mundico.
ENTENDA O CASO
Em 2008, o município de Buritirana através da gestão do então prefeito Zé do Mundico, celebrou convénio com a Secretaria Estadual de Educação (SEDUC), através do convénio Nº 017/2018, para construção da sede da  Escola Flaudismar Alves de Sousa, onde séria uma  Unidade Escolar composta de 8 salas de aula, para funcionar o ensino médio no município.

Ainda no ano de 2008, logo após o início da obra, as atividades foram paralisadas, por motivos desconhecidos pelos cidadãos buritiranenses. A obra que deveria ser executada em 150 dias, até o presente momento não foi concluída, apenas as paredes foram levantadas, como pode ser visto pelas imagens seguintes.

ASFALTO SONRISAL
Passado todo esse tempo, a obras segue no meio do mato, abandonada, sem nenhuma previsão de conclusão por parte desse governo irresponsável de Flávio Dino, que em vez de primar por uma educação de qualidade, faz  sempre o contrario, investe em obra eleitoreira, tipo esses asfaltos descartáveis, verdadeiro asfalto sonrisal, sem meios fios, que só dura  até o próximo inverno.

Os recursos na época que totalizaram em cerca de R$ 720,964. 98  para construir a escola foi surrupiado, embolsado, roubado. As obras segue paralisada, abandonada, sem nenhuma previsão de conclusão, enquanto o governo do estado paga alugueis caros para que a escola funcione inclusive de forma precária.









Tecnologia do Blogger.