Campus da Siemens em Perlach, Munique, testa condução autônoma


Projeto de pesquisa para um sistema de transporte otimizado (OTS)
Solução de mobilidade first mile/last mile (antes/depois do uso do meio de transporte).

Teste da interação da infraestrutura inteligente, serviços de software na nuvem e veículos elétricos autônomos.

A Siemens Mobility está lançando um teste de campo para condução autônoma no campus da Siemens em Perlach, Munique, na Alemanha. Trabalhando em parceria com as organizações IAV GmbH, Instituto de Proteção Climática, Energia e Mobilidade (IKEM) e.V., emm Solutions GmbH, UTB Projektmanagement GmbH e a Universidade Técnica de Munique (TUM), a Siemens Mobility está iniciando um projeto de pesquisa e teste em campo. A rota de teste percorre o campus e permite a simulação de tráfego em diversas situações da vida real.

As organizações que fazem parte da parceria neste projeto trabalharão juntas testando a interação da infraestrutura na estrada, dos serviços de software na nuvem e veículos elétricos autônomos. Dois tipos de veículos serão usados para avaliar a interação de infraestrutura e veículos inteligentes: um carro de assento único altamente automatizado e um ônibus. Nos testes, os postes de eletricidade ao longo de toda a rota foram equipados com scanners a laser, radares e câmeras para monitorar o ambiente geral de tráfego e localizar precisamente os veículos.

"Nosso projeto de pesquisa é mais um marco da nossa solução de mobilidade first mile/last mile (antes/depois do uso do meio de transporte) em um mix de mobilidade multimodal que inclui veículos autônomos. Nossa infraestrutura é um componente extremamente importante para fornecer transporte seguro e eficiente sob demanda em áreas urbanas e rurais", afirma Michael Peter, CEO da Siemens Mobility.

Fornecer um espectro adequado de opções de mobilidade sustentável é uma responsabilidade essencial das cidades e municípios. É essencial fortalecer e expandir as soluções para o transporte público e atender às crescentes demandas de mobilidade das populações urbanas. O projeto "Sistema de transporte otimizado baseado em veículos elétricos autônomos" (OTS 1.0) é financiado pelo Ministério Federal do Meio Ambiente, Conservação da Natureza, Construção e Segurança de Reatores (BMU) da Alemanha. O objetivo é desenvolver um sistema que forneça opções de condução autônoma do início ao fim da viagem do usuário, uma necessidade muitas vezes negligenciada hoje em dia.

Durante o projeto, as empresas presentes nessa parceria mostrarão como os veículos elétricos autônomos podem melhorar a segurança e a eficiência nas vias enquanto operam no nível mais alto de autonomia (Nível 5), sem a intervenção do motorista. Para isso, a infraestrutura inteligente da Siemens Mobility alimenta continuamente os veículos com informações abrangentes, como condições gerais do tráfego e dados sobre outros veículos que operam na rota. Essa abordagem ajuda os veículos autônomos em situações complexas de tráfego em áreas de difícil monitoramento, por exemplo, ou em condições climáticas adversas. Com suporte externo, o raio de operação monitorada de um veículo autônomo pode ser significativamente expandido e a infraestrutura inteligente permite que os veículos identifiquem rapidamente possíveis riscos e respondam conforme o caso. Com isso, o sistema integrado ajuda a otimizar os fluxos de tráfego. Já a comunicação do veículo com a infraestrutura (V2I) do sistema opera por meio de WLANp (ITS-G5) padronizado e amplamente testado e o sistema é complementado por soluções de software que permitem aos gerentes de tráfego de um centro de controle monitorar de perto a situação do trânsito e intervir, se necessário, aumentando consideravelmente a segurança e a eficiência do transporte viário. Para melhorar a experiência do passageiro, os passageiros dos veículos autônomos podem facilmente fazer o download do itinerário da rota usando um aplicativo.

O projeto de pesquisa reunirá especialistas de várias áreas. O IKEM gerencia as questões legais relacionadas à condução autônoma e, com a Siemens Mobility, pesquisa modelos de operadores e negócios em desenvolvimentos técnicos. A IAV desenvolve um protótipo para ônibus de condução autônoma. A TU Munich utiliza simulações microscópicas para estudar o impacto de diferentes formas de condução autônoma no tráfego. Em um estudo sobre aceitação pública, o escritório de desenvolvimento de projetos de Berlim (UTB) analisa como as pessoas reagem a veículos autônomos e como os desenvolvimentos tecnológicos devem considerar essa questão. A Emm Solutions GmbH fornece seu veículo elétrico ILO1 altamente automatizado para ajudar a melhorar o monitoramento do meio ambiente, o geoposicionamento do veículo e o gerenciamento da comunicação entre o veículo e a infraestrutura. O comportamento da condução do veículo também será simulado. A Siemens Mobility é responsável pela integração geral do projeto e também cuida da infraestrutura viária e pelos serviços de software na nuvem, além de avaliar os possíveis modelos de negócios e operação.

Contato para imprensa:

Siemens Brasil
S/A LLORENTE & CUENCA
Pedro Zago
Tel.: +55-11-3054-3324
Cecilia Nascimento
Tel.: +55-11-3054-3399

Siemens Brasil
Comunicação Corporativa - Imprensa
Priscilla Garcez
Tel.: +55-11- 98996-2610

Sobre o Grupo Siemens no Brasil

A Siemens está presente no Brasil há cerca de 150 anos e faz parte de um conglomerado global de tecnologia que se destaca pela excelência em engenharia, inovação, qualidade, confiança e internacionalidade por 170 anos. A Siemens globalmente com foco nas áreas de eletrificação, automação e digitalização. Uma das maiores produtoras mundiais de tecnologias voltadas à eficiência energética e à economia de recursos, a Siemens é líder no fornecimento de soluções eficientes de geração e de transmissão de energia, pioneira em soluções de infraestrutura, automação, drives e softwares para a indústria. Por meio da Siemens Healthineers, sua subsidiária listada na bolsa de valores, a empresa também é uma provedora líder de equipamentos médicos de imagem - como tomografia computadorizada e sistemas de imagem por ressonância magnética - e líder em diagnósticos laboratoriais, bem como em TI clínica.

As primeiras atividades da empresa no Brasil datam de 1867, com a instalação da linha telegráfica pioneira entre o Rio de Janeiro e o Rio Grande do Sul. Em 1905, ocorria a fundação da empresa no País. Ao longo de sua história no Brasil, a Siemens contribuiu ativamente para a construção e para a modernização da infraestrutura. Hoje, os equipamentos e sistemas da Siemens são responsáveis por 50% da energia elétrica gerada nacionalmente, 30% dos diagnósticos digitais por imagem realizados no Brasil e estão presentes em 2/3 de todas as plataformas offshore brasileiras projetadas nos últimos 10 anos. Atualmente, a empresa Siemens conta com 12 fábricas e sete centros de Pesquisa e Desenvolvimento espalhados por todo o território nacional.

Para mais informações acesse nosso website: www.siemens.com.br
Tecnologia do Blogger.