Como fomentar o sucesso do agronegócio no país? Advogados dão dicas em seminário realizado em Goiânia

Os palestrantes Lauro Augusto Pinheiro e Diego Montenegro tratam de temas jurídicos concernentes ao agronegócio em dois painéis sobre a profissionalização corporativa e sobre a gestão financeira do Agro

Os advogados e recém-sócios Lauro Augusto Pinheiro e Diego Montenegro levam sua expertise em reestruturação, profissionalização corporativa e recuperação de empresas no agronegócio para o seminário "O Protagonismo do Agro em Goiás", que será realizado no dia 13 de setembro, das 7h30 às 17h, na Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Estado de Goiás (Seapa-GO), em Goiânia.

Dentre os vários especialistas convidados para fazer um raio-x do agronegócio no país e trazer soluções e novas perspectivas para o ramo, os dois renomados advogados realizarão duas palestras com temas que envolvam questões jurídicas no intuito de manter firme a agroindústria e superar possíveis crises no ramo.

Na ocasião, Pinheiro discorrerá sobre as vantagens da profissionalização corporativa da atividade rural, com foco na proteção patrimonial e planejamento sucessório. Já Diego Montenegro abordará ferramentas de superação da crise financeira no Agro, em especial mecanismos judiciais de renegociação de dívidas.

"É notável, no Brasil, o grande número de empresas familiares no agronegócio. No entanto, pode acontecer que os herdeiros do empreendimento não possuam conhecimento na área. Para evitar deixar um negócio milionário nas mãos de quem não possui experiência suficiente, é necessário apostar no planejamento sucessório, de modo a garantir mecanismos para manter a produtividade e o sucesso sem prejudicar os herdeiros da empresa", explicou Pinheiro sobre um dos temas de sua palestra.

O advogado também ressaltou a importância da proteção patrimonial: "Para que o empresário não exponha o patrimônio pessoal aos riscos da atividade, é necessário apostar no mecanismo preventivo. Assim, a produção empresarial será isolada, de modo que se houver alguma crise, o dono seja capaz de dar a volta por cima".

Caso o empresário passe por intensos problemas financeiros, uma saída para evitar a falência é a recuperação judicial. "Trata-se de uma ferramenta que visa dar uma oportunidade de reestruturar o negócio, como forma de manter a atividade funcionando, e evitar que ela deixe de oferecer os benefícios sociais – geração de emprego, circulação de riquezas e recolhimento de impostos", esclareceu Montenegro.

O advogado baiano enfatizou que a recuperação judicial se torna útil e atrativa por seu efeito imediato: a suspensão de todas as ações e execuções dos credores contra o devedor por pelo menos 180 dias. Esse período de proteção é fundamental para que o empresário tenha tempo de estruturar um plano de recuperação que explique as providências a serem tomadas para recuperar o empreendimento, bem como a forma que pretende honrar as dívidas sem prejudicar a continuidade da atividade.

Dada a importância do agronegócio para a economia do país e a fragilidade de alguns empreendimentos frente a futuras crises, as palestras de ambos serão de primordial importância para quem está inserido no ramo da agropecuária brasileira, de modo a subsistir e superar eventuais problemas financeiros.

Sobre o evento

Fortalecer o agronegócio através da gestão financeira e políticas públicas, bem como melhorar as relações entre empresários rurais, órgãos de regulação e Estado. O seminário "O Protagonismo do Agro em Goiás", tem como objetivo principal contribuir para o desenvolvimento econômico da região e, consequentemente, do Brasil.

O secretário da pasta, Antônio Carlos de Souza Lima Neto, será o anfitrião do evento, cuja expectativa é criar um ambiente positivo de crescimento empresarial, proporcionando ganhos expressivos de produtividade na agroindústria. Também estará presente o governador do Estado de Goiás, Ronaldo Caiado, que encerrará o ciclo de palestras ao abordar e discutir políticas públicas estaduais de fomento ao agronegócio.

Os interessados poderão se inscrever gratuitamente pelo site:www.sympla.com.br/seminario-protagonismo-do-agro-em-goias__605976. As vagas são limitadas.

Programação:

7h30 – Credenciamento

8h – Abertura

– Secretário de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Antônio Carlos de Souza Lima Neto

8h30 – Painel 1: Cenário e perspectivas do agronegócio

– Cláudio Ferraz – economista chefe do BTG Pactual

9h50 – Painel 2: As vantagens da profissionalização corporativa da atividade rural

– Proteção patrimonial e planejamento sucessório, com Lauro Augusto Pinheiro – sócio da Pinheiro Advocacia e Consultoria

– Governança corporativa e captação de crédito, com Fabiana Balducci – sócia do Makalu Partners

– Profissionalização e impostos, com Rafael Figueiredo – sócio da Costa Oliveira Advogados

11h50 – Almoço

13h30 – Painel 3: Gestão Financeira no Agro: Desafios e Oportunidades

– Acesso a fontes alternativas (e mais vantajosas) de financiamento, com Vinícius Vieira – sócio da GVF Partners

– Mecanismos extrajudiciais de renegociação de dívidas, com Paulo Tavares, sócio da 2Par Consultoria

– Mecanismos judiciais de renegociação de dívidas, com Diego Montenegro – sócio da Diego Montenegro Advogados

15h30 – Intervalo

15h40 – Painel de encerramento/Políticas públicas estaduais de fomento ao agronegócio

– Ronaldo Caiado, governador do Estado de Goiás

Serviço:

Seminário "O protagonismo do agro em Goiás"

Data: 13 de setembro, das 7h30 às 17h

Local: Auditório da Seapa – Rua 256, nº 52, setor Leste Universitário, Goiânia (GO)


Vagas: Limitadas

Mais informações: (62) 3201-8952 / 8925



Maria Isabel Félix - (61) 99631-5532

Escritório: (61) 3365-1379
imprensa@grupobjetiva.com


Nenhum comentário

SEJA BEM VINDO, PARTICIPEM E COMENTE A VONTADE

Tecnologia do Blogger.